Está aqui

Está aqui

  • Desde 2010, a Fundação Aga Khan já apoiou mais de 450 grupos de poupança em Moçambique.
    AKDN / Rosemary Quipp
Amade Ussene: Estas chaves abrem as portas para cinco coisas que tomamos como garantidas

Estas são as chaves de um cofre no qual 12 membros de um grupo de poupança em Moçambique estão a investir os seus rendimentos. Com a rendibilidade dos seus investimentos, eles conseguiram fazer melhorias básicas nas suas casas, como a aquisição de um frigorífico, um forno, uma mesa e cadeiras, tigelas e pratos e um telhado que não deixe entrar água.

Eis como funciona:

Não existem bancos na ilha isolada de Ibo, em Moçambique. Sem serviços bancários básicos, como contas-poupança e empréstimos, é difícil investir no futuro. Assim, com a ajuda da Fundação Aga Khan, os membros desta comunidade juntaram-se num grupo de poupança.

Uma vez por semana, eles reúnem-se para guardar os seus rendimentos num cofre. A caixa está trancada com três fechaduras, estando as chaves na posse de três membros.

Cada membro poupa cerca de 200 meticais (cerca de cinco dólares) por semana. As suas poupanças individuais são identificadas com carimbos num livro de depósito.

Os membros têm a opção de contrair um empréstimo de parte das economias acumuladas, com uma taxa de juro de 10%.

Uma vez por ano, o grupo faz um “levantamento” - cada membro retira as suas economias, mais os juros obtidos.

Com as suas economias e os juros acrescidos, eles podem fazer compras significativas para melhorar as suas vidas. E a seguir reiniciam o ciclo de poupanças.

Assista à história de Amade em ação: 

Cada membro do grupo também contribui com 10 meticais por semana para um fundo social. O grupo pode pôr a votação a utilização deste fundo para disponibilizar dinheiro a um membro que se veja numa situação de emergência, como uma doença ou lesão.

A Fundação Aga Khan, em parceria com a Global Affairs Canada, apoia grupos de poupança em regiões isoladas de África e Ásia - incluindo mais de 450 grupos apenas em Moçambique.

akf-mozambique-img_5645_r.jpg


A AKF prepara as comunidades para iniciarem e gerirem os seus próprios grupos de poupança. Os grupos reúnem-se regularmente para guardar os seus rendimentos num cofre. Os membros têm a opção de contrair um empréstimo de parte das economias acumuladas, com uma taxa de juro de 10%. Depois de um ano de poupança conjunta, cada membro retira as suas economias, mais os juros obtidos.
Copyright: 
AKDN / Rosemary Quipp

Este artigo foi adaptado a partir de um artigo publicado originalmente no site da Fundação Aga Khan Canadá.